cena

05/07/2014

a qualquer momento

pode brotar de dentro de mim uma explosão

ainda sou mulher, estou inteira

todas as avalanches pessoais, para que servem?

se não forem pra me deixar assim, de pé

morrendo de vontade de ir ainda um pouco além

e pensando que ora, ora, tudo pode acontecer

porque não é possível que essa coisa toda, que a dor da vida

seja pra quase nada, seja maior do que eu

não é. não vou arredar pé

estou bem aqui, in the spotlight, esperando a deixa

pra engolir em seco, aprumar as costas

e entrar em cena, mais uma vez

travessa 046

a partir de hj vou fazer um post por dia durante uma semana. a realidade é que as redes sociais me roubaram do meu blog. os pensamentos instantâneos, os leitores imediatos, tudo isso acaba dando preguiça de vir até aqui desenvolver ideias e lapidar palavras.

me sinto mal de estar tão distanciada da minha segunda maior alegria, que é escrever. intimidade é coisa pra todo dia, não pra visitas esparsas. quero voltar.

e aproveito pra dizer que eu acho o dominguinhos um dos maiores de todos os tempos.

%d blogueiros gostam disto: