primavera

18/09/2012

Eu não me caibo de tanto desejo de ver o resultado de tudo, de colher a tal colheita prometida e morder a fruta.

Todos os dias acordo e corro pra ver o que brotou. Há flores, borboletas, cactos, espinhos, folhagens, matos daninhos. E os passarinhos que vêm cantando e fazem ninhos.

Quando a gente vê, deu flor, fruto e filhote. Há vida, há música. E aquele inverno tenebroso morreu dentro da gente.

Anúncios

3 Respostas to “primavera”

  1. Oh meus Deus! A primavera, pra mim, agora, é apenas uma distante miragem… ;((

    Curtir

  2. Carlos Augusto said

    Após meses de tanto frio, estou achando que cada mormaço me dá vontade de dar bom dia aos passarinhos, às plantas, ao mar…
    Decididamente, há dois tipos de primavera: a do calendário e a de um estado de alma especial.

    Curtir

  3. que lindo, guto! que bom se a gente buscasse a primavera da alma, todos os dias, né? um beijo e uma linda primavera pra vc!

    Curtir

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: