tire o seu sorriso do caminho

25/02/2011

Aqui no Rio, qdo entra o verão, reinam os sinônimos estabelecidos de alegria e diversão: beber até cair, ficar loucaça, beijar mil bocas, jogar altinha, tomar champagne na praia, felicidade urgente para todos. O verão é um grande carnaval que dura 3 meses.  Se vc não está nessa, desafina. Amo praia e posso beber e produzir falsa alegria e transe a qq hora, mas estar dentro de uma multidão suarenta,  cantando Vou festejar, realmente nao me diverte mais. Me sinto inadequada, passada, fora de esquadro.

Estou sem alegria e vou além: to cansada dessa necessidade de alto astral, de festejar, de comemorar, de ser feliz o tempo todo, de ser “pra cima”, de produzir um clima de felicidade permanente, de “encantar a vida”. Isso virou uma imposição dos esotéricos e neurolinguistas, que ameaçam a gente com os nossos próprios pensamentos e sentimentos. De hoje em diante vc só pode pensar coisas lindas e boas e prósperas e fofas e saudáveis e positivas! A vida real, cheia de defeito, feiura, dificuldade, celulite e dureza, essa vc desprograma dentro de vc e tudo muda! A celulite some e a grana aparece. ãhã. A gente vira culpada por tudo, é pior do que os crentes, o papa e seus rebanhos. E nem tento mais desabafar com amigos, pq começa a campanha pra “levantar o astral”: vc é maravilhosa, sacode a poeira, dá a volta por cima!

Vamos pular, vamos dançar, vai rolar a festa, vamos todos participar desse grande comercial de telefonia celular, dançando nas ruas, o astral lá em cima, cercados de gente bonita em clima de paquera! ‘Cause tonight is gonna be a good night. Não estou jovem, não estou bela, estou cheia de problemas e não espero nada de um sábado à noite ou de um carnaval, perdi a chave da diversão. Não me empolgo, não me interesso e nem me divirto com quase nada ou ninguém. Desencantei. Chega de maya, chega de ilusão, chega de esperar. Godot is not coming. Godot nem existe. Fuck Godot.

PS. ihhh, mó baixo astral esse texto

Anúncios

13 Respostas to “tire o seu sorriso do caminho”

  1. Adorei o baixo astral!!! Lindo!

    Curtir

  2. Ttudo bem,também pode ser baixo-astral, rs! Outro dia, sabado à tarde, estava em casa achando que deveria ver amigos, achando que sempre tem que estar tudo animado, cheia de cobranças comigo do que deveria ser uma tarde e foi otimo quando liguei para uma amiga e ela estava dormindo! Ufa, que bom, consegui relaxar, dormi também, no sofa da sala, e depois li um livro que estava adorando. Temos que ser, so isso. é bom poder ter coragem de escrever isso, beijos!

    Curtir

  3. Thaís said

    Uuuui!

    Bom, o mais bacana é a aceitação. Da loucura ou da alegria ou da tristeza. Esse “oba oba” pra mim, hoje, é engraçado só. um desprendimento talvez. “mais de mil palhaços no salãao”…

    Mas o lado romântico do carnaval, (que talvez exista em pouca gente) eu gosto. Porque já passei muitos carnavais maravilhosos, ao lado de muita gente bacana e sem taaanta loucura. E o final… vc decide! 🙂

    “Deixa o dia raiar que hoje eu sou da maneira que você me quer. O que você pedir eu lhe dou, seja você quem for, seja o que Deus quiser!”

    Curtir

  4. maray said

    faço academia com meu marido e ontem, depois de 40 anos de casados, ele me vem com :” sabe que olhando vc hoje, percebi que tem celulite na perna?” Eu mereço. Até que demorou um bocado pra ele perceber, ele é distraído, hehehe…mas nada de baixo astral, quer um conselho?`Vem passar uns tempos em Sampa. Aqui a gente não tem nenhuma obrigação de ser festeiro nem feliz. Aqui o bicho pega. Talvez um tratamento de choque geográfico seja o que vc esteja precisando ! 😉

    Curtir

  5. maray, to morrendo de rir com a percepção do seu marido! isso é que é homem! rs tem razão, SP não me faria mal, ao contrário, adoro SP!

    Curtir

  6. thais, tb tive carnavais ótimos, muitos. e eu adoro que o carnaval exista, adoro ir à praia e ouvir o bloco ao longe…

    Curtir

  7. andrea, pois é, dormir no sofa da sala é uma das delicias da vida, não é justo a gente perder essa…

    Curtir

  8. soraya said

    São Paulo resolve !

    Curtir

  9. soraya, vou providenciar essa viagem. nao sao ordens médicas, mas quase… rs

    Curtir

  10. Luanda Cozetti said

    amei.

    Curtir

  11. Lulu said

    Teu texto é bom, agradável, gostoso de ler.
    Vc. é legal e enxerga direito as coisas. Fala a verdade. Já morei aí no Rio e não é fácil esse lance de ‘ter q ser feliz’. Não tem essa de ‘baixo astral’. Somos essas coisas também. Um beijo.

    Curtir

  12. Zoca said

    o PS me provocou gargalhadas hahahaha

    Curtir

  13. z, sin perder el buen humor jamás!

    Curtir

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: