o medo da tristeza

17/06/2010

No rádio do taxi toca Overjoyed. Estou tão overwhelmed com tantas intempéries, me sinto impotente, inútil e fraca e queria dar um reboot e mudar de fase. Me sinto pior ainda por isso, covarde e imprestável, pq não me sinto capaz de dar conta de tudo o que devo dar conta e nem é tanto assim, perto do que uns e outros aí passam…  Caio no choro no banco de trás enquanto, do lado de fora, o sol volta a brilhar lindamente, esquentando um pouco do clima glacial que acossa o Leblon e meus ossos, um pouco pela tristeza de tudo, um pouco pela temperatura estranhamente gelada. Me sinto aliviada por não ter colocado filhos nessa roubada. Mesmo que a vida seja uma dádiva blá blá

Preciso lembrar de lembrar de saborear tudo com gosto, minuto a minuto, pq tudo passa correndo e o tempo devora e tritura todas as coisas em volta de nós. E a gente tem que ter felicidade simplesmente por ainda ter algumas coisas inteiras. Pq as coisas quebram e pronto. Depois que quebram, adeus.  Não estou preparada para a vida, acho.

Minha amiga, aparentemente navegando pelas mesmas águas que eu, me pede: “me conta uma coisa bem boa? estou com medo da tristeza”. Tb to, querida, morrendo de medo! E contra tristeza, não há guarda-chuva, já disseram. Mas a gente tem uma faixa bônus: música. Música é a nossa melhor vingança.

Anúncios

17 Respostas to “o medo da tristeza”

  1. Beá Meira said

    Sem comentário!
    Você fazer esta sonzeira e ter medo da tristeza?
    Se a tristeza é verdadeira,e assim transparece, o público só tem a agradecer esta dor, que te faz tão verdadeira. Que te faz capaz de expiar até mesmo as nossas mazelas.
    E no dia seguinte desta música, ou quando você assite este video, você não fica feliz em ser uma deusa?

    Curtir

  2. Thaís said

    adorei a frase: “música é nossa melhor vingança”. lindo video.
    beijo.

    Curtir

  3. valeu a visita, thaís! vamos nos vingando por aí 😉 bj

    Curtir

  4. elisa said

    isso isso, muita vingaça musical pls 🙂 Ando muito vingativa… Bjs

    Curtir

  5. sua leoa vingativa!

    Curtir

  6. elisa said

    E esse vídeo é lindo mermo!

    Curtir

  7. soraya said

    Nossa, Andréa!!! Tem mesmo que se saber o que vai se fazer em cima de um palco. Ele desnuda e expõe. Que nem a voz. Só quem sabe, pode. E você ainda ri lá do alto… e reconhece: “não tenho a quem prestar satisfação”. Se deixe ver, se deixe ver e ouvir que a coisa é muito fina…!

    Curtir

  8. pedro said

    E que vingança…
    Suas palavras escritas são belíssimas, tão cheias de desencanto…
    As cantadas, de Chico, soam perfeitas, em sua voz.
    Soam a escape, a libertação, a liberdade.
    Parabéns por seu blog. Uma surpresa!

    Curtir

  9. Lolla said

    Segunda e terceira frases. Eu poderia ter escrito isso nesse exato momento. Pena que aqui os táxis nunca liguem o rádio. Ouvir Overjoyed no meio da intempérie até que seria legal.

    Curtir

  10. Tristeza faz parte. É um momento de regulação interna, pra mudar. Só não pode é ficar acostumado… beijo.

    Curtir

  11. pedro, poxa, tantos elogios… assim fico prosa 😉 obrigada, beijo

    Curtir

  12. lolla, que lindo seu blog, é de comer de colherinha!

    Curtir

  13. tem toda razão, PT, só não pode viciar 😉 saudade

    Curtir

  14. soraya, palco é uma loucura, mesmo. se a gente parar pra pensar, né? uma exposição absoluta. nao é à tôa que tantas vezes sonho que estou pelada no palco! rs nua!

    Curtir

  15. beá, nao tem essa de deusa, querida. eu sou apenas uma mulher 😉

    Curtir

  16. Algumas vezes triste é muito bonito.

    Curtir

  17. alziro, sad is beautiful 😉

    Curtir

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: