pescaria

30/12/2008

Visualize a sequencia*:

Uma virada masculina, clássica, de pescoço, acompanhada de comentário de um pescador sorridente, a cujo sorriso faltava dentes, bem na frente. A vara de pescar, no ombro. Camiseta de português, barriga proeminente, bermuda e chinelo de dedo,  O peito trazia aberto, o andar altivo e dolente, mirando firme em direção ao Caminho dos Pescadores, Leme, Rio de Janeiro, apagar das luzes de 2008:  “Ai, que garoupão!”

 *(Sem acento diferencial e sem trema, mermo. O trema caiu! Agora as pessoas vão dizer: “Eu sou do tempo do trema”. Dã.)

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: